Foi a primeira sessão extraordinária remota, um fato histórico para a Câmara Municipal de Itapajé

O Parlamento não pode parar, agiu rápido, implantou o sistema de votação remoto e deliberou matérias importantes para o povo".

#INOVAÇÃO POR GUASTELLO 27 de março de 2020

Vereadores aprovam por unanimidade Projeto de Lei n° 004/2020, que "Dispõe sobre a isenção de contribuição de iluminação pública e suspensão da taxa de água e esgoto no Município de Itapajé e dá outras providências", em Sessão Extraordinária Remota, ocorrida segunda(27/03/2020).

Foi a primeira sessão extraordinária remota, um fato histórico para a Câmara Municipal de Itapajé, é uma alternativa para manter os trabalhos da Câmara, assim como está acontecendo com o Congresso Nacional. Presidida pelo Vereador Bruno Francisco que afirma,"O Parlamento não pode parar, agiu rápido, implantou o sistema de votação remoto e deliberou matérias importantes para o povo".

Participaram da sessão remota os Vereadores: Bruno Francisco, Eder Rocha, Ernando Mesquita , Haroldo Mota, Gláucia Araújo, João Camará, Zé Anão, Iza, Neutel Monteiro, Josifran Alves, Nonato Etelvino, Ricardo Gois e Samuel da Saúde.

Deixe o seu comentário

Qual o seu nível de satisfação com essa página?


Muito insatisfeito

Pouco insatisfeito

Neutro

Pouco satisfeito

Muito satisfeito